Miami Open 2016

Post Reply
admin
Senior Member
Posts: 2071
Joined: Wed Mar 01, 2017 4:30 pm

Miami Open 2016

Post by admin » Tue Mar 29, 2016 4:12 pm

Superaposta

Oitavas-de-final agendadas para hoje!

Após uma semana de Miami Open e muitos jogos emocionantes, sobraram apenas 16 tenistas na chave masculina que, hoje, dão início às oitavas-de-final.

Richard Gasquet e Tomas Berdych abrem a programação do Estádio Principal, ao meio dia. Quando os dois se enfrentam há sempre promessa de um grande jogo, bastante disputado, sem favorito, e que pode ir para qualquer lado. O “head-to-head” é um espelho disso mesmo, já que em 13 jogos disputados, o francês contabiliza 7 vitórias e o tcheco 6.

O segundo encontro masculino da quadra principal será o duelo entre Novak Djokovic e Dominic Thiem. Djokovic segue em sua fase avassaladora, que faz parecer que nenhum adversário é páreo ao sérvio. Não fosse a derrota por abandono, no Dubai, contra Feliciano Lopez, o número 1º. do Mundo ainda estaria com 100% de aproveitamento este ano. Até aqui, já foi campeão em Doha, no Australian Open e no Indian Wells.

Uma marca qe deixa a temporada de Djokovic ainda mais memorável é o facto de ter perdido apenas 5 sets dos 56 disputados desde o início do ano. Thiem, no entanto, também vem tendo o melhor início de temporada da sua carreira. Com um registo de 22-5 e dois títulos conquistados (Buenos Aires e Acapulco), o austríaco é um dos mais cotados a ingressar no Top 10. Será a segunda vez que Thiem e Djokovic se enfrentam, mas em momentos totalmente diferentes das carreiras. Agora, consolidado como número 1.º, o sérvio deve encontrar um Dominic muito mais experiente do que aquele que foi derrotado no primeiro encontro.

Comece já a ganhar com a Superaposta, cadastre-se e beneficie dos nossos fantásticos bônus de boas vindas.

Na sequência, Gael Monfils e Grigor Dimitrov se enfrentam por uma vaga nas quartas-de-final. Dentro de suas possibilidades, Monfils vem fazendo uma temporada bastante regular: Quartas de final no Australian Open, final em Rotterdam e quartas em Indian Wells. Apesar de não ter conquistado títulos (bateu na trave em Rotterdam), o francês tem vencido os jogos em que é favorito. Hoje, enfrenta o búlgaro Dimitrov pela quinta vez na carreira e, por já o ter vencido em três ocasiões, também é colocado como favorito.

Favoritismo apenas pelo passado, pois Dimitrov, tirando alguns tropeços precoces, vem bastante consistente. Com quartas de final em Brisbane, semifinal em Sidney, terceira rodada no Australian Open, semifinal em Delray Beach e quartas em Acapulco, o número 28º. no ranking da ATP também tem conquistado as vitórias possíveis, o que faz deste um dos melhores duelos do dia.

Não antes das 22h00, o japonês Kei Nishikori enfrenta o espanhol Roberto Bautista Agut, no jogo que fecha a rodada no Estádio Principal. O nipônico, ainda invicto contra Agut (3 jogos e 3 vitórias), é o favorito para vencer o último jogo de hoje. Apesar de estar com um registro de 15-4 e um título na temporada, Kei não tem feito uma temporada tão consistente quanto se esperava. Tirando as derrotas para Nadal e Djokovic, as outras duas derrotas foram para tenistas que ele costumava derrotar com tranquilidade (Bernard Tomic e Sam Querrey).

Já Bautista Agut está a realizar uma temporada para além das expectativas. Conquistou dois títulos (Auckland e Sofia) e tem apenas 5 derrotas em 23 jogos em 2016. Vem tendo seu melhor início de ano da carreira e já começa a aspirar uma vaga entre os 10 melhores do Mundo.

Referência igualmente para o “Lucky Loser” Horacio Zeballos, que foi eliminado por Yoshito Nishioka na última rodada do “qualifying” mas acabou entrando na chave principal após a desistência de Federer, que decidiu não jogar o Masters de Miami após sentir incomodos estomacais no dia de sua estreia. Iniciando na segunda rodada, já que Federer teve “bye” na primeira, Zeballos passou por Del Potro e por Verdasco, em jogo dramático. Agora, enfrenta a revelação belga, David Goffin, que já fez semifinal em Indian Wells na semana passada e agora busca mais um bom resultado na Costa Leste americana.

No atual torneio, Goffin ainda não teve seu serviço quebrado. Já passou por Marcel Granollers e Viktor Troicki, tendo cedido apenas um “break point” em cada um dos jogos. Número 15 do Mundo, é um dos mais cotados a ingressar no Top 10. Este será o quinto confronto contra Zeballos, tendo o belga perdido o primeiro, mas vencido os três últimos em sets diretos, sem que o adversário ganhasse um único set.

Superaposta, faça já a sua!

Após este jogo, Gilles Simon e Lucas Pouille fazem um duelo entre a velha e a nova geração francesa. Simon, após ser eliminado na segunda rodada de Indian Wells, vem fazendo melhor em Miami, tendo derrotado Juan Monaco e Marin Cilic, o que já o coloca na quarta rodada.

Apesar de ser um confronto teoricamente desfavorável ao jovem Pouille, ele já deu mostras esta semana do que é capaz. Até aqui, o francesinho já passou por Teymuraz Gabashvili, Guillermo Garcia-Lopez e David Ferrer, tendo perdido um set apenas para o último. Este confronto se repete pela segunda vez na história, tendo Simon vencido o anterior, em Rolland Garros do ano passado.

Para fechar o dia na Grandstand dois confrontos com claros favoritos, mas que enfrentam tenistas que estão em excelente momento de forma. Primeiro, o australiano Nick Kyrgios enfrenta o russo Andrey Kuznetsov, que já surpreendeu com vitórias contra Stan Wawrinka e Adrian Mannarino, durante este torneio. No entanto, Kyrgios também apresenta bons números neste início de ano. Com um título até aqui, o australiano conquistou 10 vitórias em suas últimas 12 partidas.

Milos Raonic, finalista de Indian Wells, enfrenta o bósnio Damir Dzumhur, na última partida da quadra. O canadense tem um bom cartel em 2016 que, além da final da semana passada, conta ainda com um título em Brisbane e uma final no Australian Open. Tendo disputado apenas esses três torneios na temporada, Raonic chega para o jogo de hoje com um registro de 16-2. Dzumhur, por sua vez, não tem números que impressionem (9-9 no ano), mas esta semana já derrotou bons nomes, como são os casos de Leonardo Mayer, Rafael Nadal e Mikhail Kukushkin.

Fique ligado às fantásticas promoções que temos para lhe oferecer e não se esqueça que apostar ao vivo é aqui na Superaposta!

Post Reply

Return to “Tennis”

Who is online

Users browsing this forum: No registered users and 1 guest